Tudo o que você precisa saber para manter seus cabelos saudáveis

Especialistas respondem as principais dúvidas sobre a questão.

Por Daniela Zigante

Desequilíbrios hormonais, estresse, uso inadequado de produtos, excesso
 de química… Esses são fatores que podem alterar a saúde dos fios. Para manter as madeixas fortes e bonitas, alguns cuidados são necessários. Conversamos com dermatologistas da
Tricosalus Clinics, clínica referência em saúde capilar de São Paulo, sobre o assunto. Fique
 de olho nas dicas e saiba como cuidar bem do seu cabelo!
Faz mal lavar os cabelos todos os dias?
Não.
 O procedimento de limpeza deixa o cabelo mais saudável, pois retira o excesso de gordura dos fios. Porém, é importante lembrar que cada tipo de cabelo exige uma recomendação específica para preservar a estrutura do fio. Em geral, a recomendação é lavar os
 cabelos pelo menos três vezes na semana.
Cortar o cabelo com frequência faz os fios crescerem
 mais rápido?
Não.
O crescimento do cabelo não está relacionado com uma ação externa,
 como o corte de cabelo. Como os fios nascem da raiz, cortar as pontas não estimula o crescimento rápido.
Entretanto, quando você demora mais de 4 meses para cortar as madeixas,
 elas começam a apresentar prejuízos na sua estrutura como frizz,
 quebras e pontas duplas.
Então, se você quiser manter uma boa aparência capilar, faça um novo
 corte a cada 3 meses. Mas se desejar que seu cabelo cresça mais rápido, cuide bem do couro cabeludo e da sua alimentação!
Puxar fio branco evita que nasçam outros no lugar?
Não.
 A chegada dos cabelos brancos acontece naturalmente. A coloração branca significa que o fio está envelhecido, pois houve uma diminuição na produção de melanina. Ou seja, arrancar fios brancos só prejudica o seu couro cabeludo e não impede que outros nasçam.
Ter uma alimentação saudável ajuda a manter a saúde
 dos fios?
Sim.
As pessoas não costumam fazer essa relação, mas uma dieta equilibrada
 aliada a um tratamento personalizado tem total influência sobre o aspecto do cabelo. O uso de shampoo, condicionador ou creme até pode deixar o cabelo mais bonito e sedoso, mas para torná-lo forte e saudável é preciso cuidar da própria saúde.
O cabelo se acostuma com o shampoo e, por isso, o produto
 deve ser trocado constantemente?
Não.
 Cada shampoo tem um objetivo e o ideal é ver qual a necessidade atual do seu cabelo para adquirir um cosmético específico. Os ciclos capilares é que dão ritmo à troca de produtos e não o cabelo que se acostuma com a fórmula. Por isso é importante acompanhar
 a saúde dos fios.
O uso de boné pode me deixar calvo?
Não.
 A tensão entre o acessório e o couro cabeludo não é forte o suficiente para gerar alopecia. Mas atenção: caso você tenha uma predisposição genética, o uso incorreto do boné pode acelerar o processo.
Vale lembrar que o acessório foi feito para proteger a cabeça do sol
 ou para o uso estético. Ele não pode ser utilizado frequentemente e nem deve ficar muito apertado na cabeça. Além de desconfortável, isso danifica o fio e contribui para a queda de cabelo, causando quebras. Entretanto, essa queda não pode ser chamada de calvície,
 trata-se apenas de um dano temporário. 
Escolher os produtos adequados para cada tipo de cabelo
 é importante?
Sim.
Os cosméticos ajudam no tratamento capilar e deixam os fios mais
 bonitos, mas eles não são os responsáveis pela saúde do cabelo. Na verdade, o mais importante é tratar o couro cabeludo e o organismo. Também é essencial verificar se existem disfunções hormonais ou deficiência em vitaminas e minerais.
Em relação ao couro cabeludo, há fatores que podem acelerar os processos
 relacionados à calvície como o excesso de oleosidade, as dermatites e foliculites. Vale lembrar que a parte orgânica reflete a nossa predisposição genética. Consulte um dermatologista e cuide da saúde dos seus fios.

Fonte –
Tricosalus Clinics
-
https://tricosalus.com.br